Como se não houvesse já rankings e índices suficientes para classificar países o Legatum Institute lembrou-se de criar o seu. Chamou-lhe índice de prosperidade e, na sua edição de 2009, no primeiro lugar está…

indice-prosperidade

… a Finlândia. Eu sei que isto é suposto ser um índice composto, mas não percebo. As coisas não estão famosas, o crescimento ainda é negativo, o governo só mete água… será que nos outros países estão ainda pior?

Para aqueles que gostam de comparar Portugal com a Finlândia aqui fica um gráfico que demonstra, ainda que em termos relativos, algumas das diferenças:

prosperidade portugal finlandia

Em nenhum dos indicadores Portugal supera a Finlândia e parece-me que pelo menos na educação o gráfico não reflecte as diferenças.

Portugal não está nada mal no índice, ocupando o 22º lugar. Tabela completa aqui.

Avaliações detalhadas dos países: Fi | PT.

Mensagem enviada para a Lusofin d conta de uma exposio fotogrfica sobre a aldeia da Bemposta na HY:

“A Associaao Domvs Egitanae em colaboraao com a Universidade de Helsinquia (departamento de linguas romanicas) e a Embaixada de Portugal organizam uma exposio fotogrfica alusiva mais histrica aldeia do concelho de Penamacor, a Bemposta. A abertura ser no dia 25 de Setembro, pelas 16 horas, na Metsatalo, unioninkatu 40. A entrada livre e haver algum vinho portugus para os convidados.”

Algum vinho portugus? Estaro a contar apenas com a presena dos nativos? 😉

Portugali on IN ja Lissabon on ihan Yeess. The New York Timesin mukaan Lissabon on toisena listalla 53 matkakohdetta vuodelle 2008 Laosin jlkeen:

Bargain-seeking tourists have long flocked to Lisbon, typically among the most affordable of European cities. But now the Portuguese capital is also emerging as a cultural force. The new Berardo Collection Museum, in the historic Belem district, boasts a major trove of modern and contemporary art. Designer hotels like Fontana Park and Jernimos 8 are attracting style-savvy travelers. And the Design and Fashion Museum, scheduled to open in late 2008, will go a long way toward cementing the citys avant-garde status.

Artikkeli NYTimes:lla